Bola de Sardinha

IMG_7132tbvwm

Bolas à muitas…esta é de sardinha!!

Com as sardinhas em alta e os santos populares aí à porta todas as desculpas são boas para uma sardinhada ou talvez não.

Nós vamos comê-las nesta fantástica Bola de Sardinha que dá mesmo a impressão de estar a comer a sardinha no pão.

 

RECEITA

 

base logo destaque1

  1. A massa leve e fofa
  2. O sabor à sardinha no pão

 

Ingredientes:

Massa

  • 400ml de água
  • 1 saqueta de fermento de padeiro em pó
  • 1 c. sopa de açúcar
  • 600g de farinha sem fermento
  • flor de sal q.b.
  • azeite q.b.

nota: o fermento que nós usamos é fermipan, no entanto podem utilizar o que quiserem

 

Recheio

  • 10 sardinhas
  • 1 dente de alho
  • sal q.b.
  • azeite q.b.

IMG_7134tbvwm

Modo de Preparação

Massa

Coloque a água num recipiente, esta deve estar morna mas sem estar quente (como sai de esquentador está bem), e junte-lhe o açúcar e o fermento. Mexa bem para dissolver o fermento e deixe repousar durante 10 minutos. Vai ver que o preparado vai começar a espumar, é assim mesmo o fermento está a activar.

Numa tigela deite a farinha e adicione-lhe a água com o fermento envolvendo bem até começar a sentir a massa a soltar-se da tigela.

Nessa altura pegue na massa e coloque-a numa superfície enfarinhada e amasse durante 10 minutos. No fim do tempo coloque a massa novamente na tigela, tape com película aderente e guarde no frigorífico durante a noite.

nota: se fizer a massa no próprio dia tem que a deixar descansar pelo menos 2 horas tapada com um pano e num local reservado. A massa tem que duplicar de volume, antes disso não se pode utilizar.

 

Recheio

Lave e amanhe as sardinhas retirando os lombos, tempere com sal.

Numa frigideira coloque um fio de azeite até cobrir o fundo e o dente de alho partido ao meio com a pele. Depois coloque os lombos das sardinhas com a pele para cima e deixe fritar aproximadamente 2 minutos. Depois coloque-as num prato para arrefecerem ligeiramente e estão prontas a colocar na bola.

Dupla strip

Preparar a Bola

Retire a massa  do frigorífico e divida-a em duas partes. Coloque uma parte num tabuleiro previamente untado com azeite e com as pontas dos dedos vá espalhando a massa até cobrir o fundo totalmente.

Depois coloque as sardinhas por cima da massa, ao centro em duas camadas e regue com o azeite que ficou na frigideira.  Cubra com a massa que restou tendo o cuidado de não deixar buracos e de levar a massa bem até aos cantos.

Dupla strip 1

Regue a bola com um fio de azeite e  tape-a com um pano. Deixe levedar 45 minutos, a massa vai duplicar o volume e nessa altura está pronta para ir para o forno. No fim do tempo destape a bola e leve-a ao forno, pré-aquecido a 200ºC, durante 25 minutos.

Dupla strip 2

Tire a bola do forno e deixe descansar 10 minutos, depois desenforme, salpique com flor de sal e orégãos.

IMG_7138tbvwm

IMG_7146tbvwm

 

Testámos e gostámos…!

IMG_7136tbvwmstrip

Bruschetta de Sardinha

IMG_7035tbvwm

A Sardinha, é um peixe que pertence à família Clupeidae. O seu nome “sardinha” advém do seu local de origem, a ilha Sardenha, onde fora bastante abundante.

Em tempos, a sardinha foi o sustento de muitas famílias, mas nos dias de hoje, é considerada o peixe mais popular das festas de verão.

A Sardinha é um peixe bastante conhecido e apreciado pelos portugueses, especialmente nos meses de verão. É nessa altura do ano que o conteúdo lipídico e de ómega-3 se encontram mais elevados, tornando a sardinha ainda mais saborosa.

 É considerado um alimento altamente nutritivo, devido aos elevados teores em proteína e gordura polinsaturada, nomeadamente ómega-3, vitaminas e minerais, que vão desenvolver um papel protetor nas doenças cardiovasculares.

Na culinária, pode ser consumida nas mais diversas formas e composições gastronómicas, podendo ir desde o assado ao grelhado, na caldeirada ou na açorda. Mas é na brasa que o português mais aprecia este peixe.

Nós decidimos utilizar de conserva, para fazer esta fantástica Bruschetta de Sardinha.

 

RECEITAS

 

base logo destaque1

  1. Um sabor surpreendente
  2. Para nós a melhor forma de comer sardinhas de lata

 

Ingredientes: 

  • 4 sardinhas de lata
  • 4 fatias de broa
  • 1 pimento vermelho
  • 1 cebola
  • 1 dente de alho
  • 4 azeitonas
  • 2 pés de salsa
  • raspa de limão q.b.
  • azeite q.b.

 

nota: para fazer a bruschetta escolha uma conserva de sardinhas de boa qualidade. Nós utilizamos sardinhas de conserva da Campos Santos ou da Minerva.

IMG_7039tbvwm

Modo de Preparação:  

Corte os pimentos em tiras. Numa frigideira aqueça um fio de azeite e refogue o pimento até amolecer. Reserve.

De seguida descasque a cebola e corte-a em meias luas. Descasque o dente de alho e corte-o finamente em rodelas. Numa frigideira coloque um fio de azeite e adicione a cebola e o alho e deixe cozinhar até a cebola estar totalmente quebrada e levemente dourada. Reserve.

Abra a lata das sardinhas e escorra cuidadosamente para estas não caírem nem se desmancharem.

nota: também pode utilizar sardinhas frescas. Para isso tem que fazer os filetes e numa frigideira com um fio de azeite fritá-los cerca de 2 minutos (apenas de um lado) com a pele virada para cima.

Disponha as fatias de broa numa tábua (ou num prato ou travessa) e coloque sobre estas o pimento, depois junte a cebola. Por cima coloque uma sardinha.

Para terminar salpique cada fatia com as azeitonas e a salsa previamente picadas. Depois coloque a raspa do limão e um fio de azeite.

IMG_7038tbvwm

 

Testámos e gostámos…!

IMG_7041tbvwmstrip

Nutrição – A Sardinha

IMG_7109tbvwm

A Sardinha é considerado um alimento bastante rico nutricionalmente. Apresenta na sua composição um elevado teor em proteína e de gordura polinsaturada e um baixo teor em hidratos de carbono. A sardinha é rica em ferro, cálcio, fósforo e magnésio e ainda em vitamina A, D e do complexo B, como a B12.

Sardinha1

Destacam-se alguns benefícios do consumo de sardinhas para a saúde:

  • Ação protetora contra o desenvolvimento doenças cardiovasculares, devido à presença de ácidos gordos ómega-3.
  • Redução e controlo dos níveis de colesterol total e triglicerídeos;
  • Melhoria da pressão arterial;
  • Mulheres em menopausa podem beneficiar do consumo de sardinha, devido à sua riqueza em vitamina D e de cálcio.

 

Nota: Deve ter atenção ao consumo exagerado deste alimento, pois apresenta na sua composição um composto, designado purina. Uma ingestão excessiva em purinas, pode levar a um aumento dos níveis de ácido úrico no sangue.

Para além disso, como podemos ver na tabela anterior, a sardinha quando consumida sob um processo de fritura, o valor calórico e teor de gordura aumentam consideravelmente quando comparados com outra forma de confecção.

 

Dicas  

Supermercado/ Casa:

  • Ao comprar sardinhas deve ter atenção:
    • Cheiro, este deve ser agradável e cheirar a maresia;
    • Olhos devem ser brilhantes e salientes e a córnea transparente;
    • Pele brilhante e com cor viva. Quando não se encontra fresca, a pele da sardinha fica baça e as escamas desprendem-se com facilidade;

  • Em casa pode conservar no frigorífico durante dois dias no máximo, pois deteriora-se facilmente. Uma opção mais duradoura, é congelar a sardinha, pois não vai afetar as suas características sensoriais.

 

1798367_10204917360117282_2705349250304587316_n

Por Cátia Carvalho da Silva

Nutricionista

IMG_7109tbvwmstrip